foto: Pexels

Nem todo profissional se dedica integralmente à carreira de freelancer. A flexibilidade dessa modalidade é tanta, que até mesmo quem possui um emprego fixo pode se beneficiar de um freela para garantir uma renda extra.

É assim que Renan Bonfim encara o mundo freelance. Analista de mídias digitais na S2Publicom, ele mergulha nos horários alternativos ao do trabalho para entregar qualidade para sua carteira de clientes.

Formado em publicidade e propaganda, ele começou a captar jobs por meio do blog Publicitário Pobre, o qual mantinha ativa antes de aumentar a demanda de freelas e ter a agenda completamente tomada.

Renan Bonfim é analista de mídias sociais e garante uma renda extra oferecendo serviços como edição de vídeo e de redação nas horas vagas / foto: acervo pessoal

Renan faz parte das estáticas sobre o freelancer brasileiro, divulgadas pelo Trampos.co em 2015.

O estudo mostra que 42% desses profissionais trabalham nessa modalidade nas horas vagas, sendo que 45% tem o objetivo de aumentar a renda.

Quando a primeira oportunidade surgiu, o analista de mídias sociais pensou em cobrar um valor simbólico pelo trabalho, que demandava pouco tempo. Foi então que uma porta se abriu: “A partir deste momento vi que poderia ter uma renda extra, sem ter que abandonar o trabalho aqui na agência. Após conversar com alguns amigos, decidi cobrar o preço justo e com a grana dos freelas consegui conquistar algumas coisas bem legais, que demoraria um tempo maior com o salário da agência.”

Entre os benefícios do trabalho freelance, Renan destaca:

  • Melhor noção de mercado e de como se vender
  • Mais disciplina no trabalho
  • Mais noção de organização

Para ele, esses valores adquiridos refletem no desempenho do trabalho fixo também, e acaba impactando positivamente tanto pessoalmente quanto para as empresas.

 

Criação é a palavra de ordem

Ter a oportunidade de desenvolver outras habilidades, diferente das exercidas no emprego fixo, é mais uma vantagem dos freelas. Renan explora bastante isso.

“Apesar do cargo CLT ser voltado para a análise, tenho uma veia criativa e um interesse muito grande na criação. Então presto serviços de design, redação e edição de vídeo. ”

A pesquisa do Trampos.co indica exatamente a criação (12%) como uma das principais áreas de atuação dos freelancers. O design (27%) e o jornalismo, com a produção de conteúdo (10%), também estão no topo da lista.

Ao analisar o mercado atual, o publicitário encara essa possibilidade de desenvolvimento como uma forma de dar o passo inicial para o mundo do empreendedorismo, pois é possível entender melhor o mercado por conta própria e “despertar o interesse de se ter como próprio chefe”.

O fator financeiro é apontado como outro propulsor:

“Temos muitos profissionais talentosos em todas as áreas. Mas as empresas, normalmente, não os reconhecem financeiramente, oferecendo salários não tão atraentes e até mesmo injustos para os cargos. Isso gera uma certa inquietação nas pessoas.”

Renan acredita que há mercado para o freelancer e que é possível investir em trabalhos extras, inicialmente, até que se possa investir nos freelas integralmente.

Mas para que essa transição ocorra é preciso disciplina e organização.

Como se organizar

Manter a ordem é primordial em qualquer trabalho, mas quando se trata de jornada dupla, é bom ter atenção redobrada.

Renan conta que com os “extras” o tempo de descanso é menor, então é preciso ter uma boa estratégia para entregar tudo no prazo certo e não prejudicar a saúde. Ele prioriza o período da noite e os finais de semana para se dedicar aos freelas e, sempre que pode, marca reuniões em cafés, ou nos escritórios dos clientes.

No caso do publicitário, o atendimento é de uma demanda por vez.

“Gosto de focar em uma coisa só, ainda mais se tiver maior liberdade de criação”, comenta.

Para não se perder na renda e precificar o serviço de forma justa, o cálculo para o job é feito por hora de trabalho, complexidade e prazo solicitado. Já a captação de clientes ocorre, principalmente, por meio de indicação. Por isso o networking é muito importante: “Sempre pergunto aos colegas e aos clientes se conhecem alguém, ou se estão precisando de algum dos serviços que ofereço.”

 

Precisa de uma renda extra? Aqui estão algumas dicas

As dicas do analista para quem pensa intercalar a rotina no emprego fixo e os jobs nas horas vagas, e ainda ainda garantir uma renda extra, são as seguintes:

  • Tenha um conhecimento profundo do serviço que oferece
  • Saiba se vender
  • Saiba cobrar
  • Mantenha um portfólio sempre atualizado
  • Tenha postura e disciplina profissional
  • Faça tudo com muito carinho e excelência, pois assim não faltarão indicações e jobs

Gostou de saber da experiência do analista de mídias sociais Renan Bonfim? Fique à vontade para deixar seu comentário logo abaixo.